DicasMarketing

Marketing e Psicologia: como divulgar seu trabalho de forma offline

Tempo de leitura: 5 minutos

 

Muito provavelmente você já deve ter ouvido falar que o marketing é a alma de qualquer negócio. Isso porque, o sucesso de qualquer empresa de serviços ou produtos depende de uma boa estratégia de divulgação. Com o surgimento da internet, as empresas passaram a utilizar o Marketing Offline e Online como forma adicional para divulgar seus produtos e serviços.

Porém, atualmente é gasto mais dinheiro em ações online do que offline. O que iremos te mostrar nesse post, poderá gerar ideias para você aplicar em seu trabalho.

Então abra sua mente e favorite esse post, pois com certeza ele irá te ajudar muito quando o assunto for divulgação para captação de novos clientes.

1. Diferenças entre Marketing Online e Marketing Offline

Não adiantará em nada te falar que o Marketing Offline te ajudará, que é uma boa maneira de se divulgar, se nós não explicarmos para você do que se trata. Uma dúvida que faz parte da vida de quem quer empreender é: qual vale mais a pena investir? A verdade é que ambos são diferentes e que possuem suas vantagens e desvantagens.

Não existe uma fórmula pronta para saber qual será o mais adequado para a sua clínica, pois é preciso conhecê-los e aplicá-los de acordo com a necessidade do seu público.

  • Marketing Offline: é a forma mais tradicional de divulgação, e consiste no uso de diversas ferramentas para a promoção e propagação do seu serviço. Alguns recursos que estão dentro dele é a utilização de panfletos, folders, propagandas em revistas e jornais, mala direta, rádio e até televisão (explicaremos um por um logo mais).
  • Marketing Online: o marketing online, por sua vez, são todas as estratégias de marketing aplicadas ao meio digital. Ou seja, o seu objetivo é o mesmo: divulgar o seu serviço e sua clínica, porém usando ferramentas diferentes das citadas acima.

O marketing offline está no telemarketing que liga para você, no outdoor que chama sua atenção, na revista ou jornal que você assina e também naquele panfleto que colocam no para-brisa do seu carro quando esta estacionado. Por isso, não pense que você e outras pessoas não são impactadas pelo marketing offline.

2. Quais os principais benefícios do marketing offline?

Se engana quem pensa que o marketing offline é uma estratégia ultrapassada. É possível criar campanhas impactantes com ele, porém vale lembrar que não é um truque de mágica, ou seja, não irá trazer os clientes para você se não houver um planejamento bem estruturado para atingir seu objetivo.

Um dos principais benefícios é o alcance de um determinado público, pois temos que levar em consideração o grande número de pessoas no Brasil que residem em regiões mais pobres e que não possuem fácil acesso a internet como em cidades grandes. Com isso, a televisão e o rádio são as melhores formas de se alcançar determinado público. Porém, é preciso que você conheça o seu público-alvo para saber exatamente qual o tipo de mídia que te trará bons resultados.

Outro ponto é a credibilidade das mídias tradicionais. Rádio, TV e Jornal, ainda podem trazer maior credibilidade do que a internet, portanto criar uma estratégia offline e associar sua clínica a algum desses veículos pode ser muito interessante para os resultados.

Planejamento de marketing para psicólogos

3. Quais as formas mais comuns utilizadas?

Abaixo estarão listadas algumas maneiras de divulgar o seu trabalho de forma offline, e que são utilizadas por diversas clínicas de psicologia no Brasil.

3.1 Jornais e revistas

Pode ser que você não leia publicações impressas, mas muita gente ainda lê e sequer cogita abandoná-las. Não podemos esquecer que um dos segredos do marketing é falar com o seu público onde quer que ele esteja.

Uma boa prática para divulgar sua clínica é apostar em revistas sobre saúde, elas são em sua maioria caras para “trabalhar”, mas dependendo do público que você deseja alcançar, ou seja, o nicho, pode ser uma boa alternativa. Por exemplo, se uma empresa que vende produtos automotivos, publicar um anúncio em uma revista sobre carros, é uma ótima oportunidade de estar presente onde o cliente dessa empresa vai estar.

3.2 Rádio

Da mesma forma que os jornais e revistas, a divulgação em rádios é tradicional, porém muito eficaz. Busque por rádios comunitárias e pequenas na sua região para que tenha um melhor custo x benefício.

Tornamos a falar: é um meio de comunicação que muitas pessoas não abandonam, mesmo com a alta dos serviços de streaming. Nele, você realmente vai conseguir atingir o público certo.

3.3 Cartão de visita e impressos

Parece incrível, mas muitos empreendedores não possuem um simples cartão de visita. Apesar de ser uma forma antiga de divulgação, várias clínicas e profissionais não dão o devido valor a esse item.

Além dos cartões de visita, invista também em uma identidade visual, para que seja possível personalizar envelopes, etiquetas e até possíveis lembrancinhas de final de ano e/ou aniversário dos seus clientes.

3.4 Parcerias

Parcerias não são muito fáceis de formar, porém necessárias para o sucesso de qualquer estratégia de negócio.

O segredo aqui é formar parcerias que sejam mutuamente benéficas. Você gera valor para o seu parceiro e o seu parceiro retribui o valor para você, gerando ótimos resultados para o negócio.

3.5 Palestras

É uma ótima forma de trabalhar o seu marketing pessoal. Quando a oportunidade aparecer, seja voluntário para discursar em eventos relacionados a saúde mental, pois dessa maneira, além de divulgar o seu trabalho para várias pessoas interessadas sobre ele, você ainda conquista possíveis parceiros.

6 dicas que psicólogos devem seguir para uma boa palestra

4. Dicas de como fazer uma campanha offline de sucesso

 

Gostou das formas de divulgar o seu trabalho offline? Agora, o que iremos te contar são recomendações para o funcionamento do método escolhido por você.

Ao montar uma estratégia, leve em conta os seguintes pontos:

  • Definir um objetivo claro: é preciso definir o destino antes de traçar a rota. Converse com sua equipe (caso tenha) e contrate um profissional da área de marketing, pois será ele que irá te ajudar sobre as melhores formas de divulgar;
  • Identifique sua persona: não é só no marketing digital que é necessário identificar sua persona. Comece pelas informações tradicionais como sexo, idade, renda e localidade do seu cliente. Depois disso, vá além. Entenda quais são seus comportamentos, suas preferências de consumo, seus objetivos e necessidades atreladas a terapia. Tudo poderá ajudar a compor uma mensagem mais certa e atrativa. Para entender mais o que é persona, e como definir a sua,  clique aqui.
  • Participe e/ou patrocine eventos: essa é uma ótima oportunidade de se promover com outros representantes da psicologia, além de encontrar possíveis clientes. Mas, por que não pensar com um pouquinho mais de ambição? Comece a patrocinar eventos, pois se o seu público alvo estiver lá, será uma excelente maneira de atraí-los ainda mais.
  • Invista em comunicação impressa: é óbvio que o alcance eletrônico é bem maior que a comunicação impressa. Porém, a comunicação impressa é menos perecível. Por exemplo, uma revista que fica na sala de espera de um consultório médico, ela pode ficar ali o mês inteiro, ou até por mais tempo. Então, que tal ter o seu material em algumas dessas revistas?

Defina seu público-alvo com estas 3 dicas

5. Conclusão

Imaginamos que você tenha lido esse artigo com um pouco de desconfiança, acreditando que uma estratégia offline não funcione. Porém, esperamos que sua opinião sobre tenha mudado ao decorrer do texto.

Mostramos a você as diferenças de marketing online e offline, e até quais os canais mais utilizados. Agora a nossa sugestão final é que possa aproveitar o que de melhor o marketing offline pode lhe oferecer. Conheça o seu público, converse com outros profissionais e faça investimentos para o seu negócio.

O compromisso agora é com você!

Marketing Digital: 6 ferramentas que podem impulsionar seu consultório

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *