Atendimento OnlineDiversosPsicologia

Setembro Amarelo – Prevenção ao Suicídio

Tempo de leitura: 2 minutos

Mais um setembro se encaminha para seu enceramento e com isso o fim da campanha sobre o setembro amarelo, mês dedicado a prevenção ao suicídio. O que podemos tirar de lição ou perspectiva sobre o assunto?

Apesar da campanha ter um apelo entre profissionais de áreas afins, pode ser notado uma movimentação que extrapolou o grupo de profissionais de saúde mental, sendo compartilhada e fomentada por profissionais das mais diversas áreas, assim como o engajamento da população de forma geral.

O maior interesse pela campanha pode ser explicado devido a pandemia, em que o isolamento, o medo e as percas de amigos e familiares, evidenciou a importância do cuidado com a saúde mental de forma geral, pauta que por muito tempo foi negligenciada pela sociedade.

Como o isolamento trouxe maior sofrimento significativo às pessoas, consequentemente houve um aumento da busca por profissionais da saúde mental. Com isso a psicologia se adaptou a realidade digital  e possibilitou expandir seus trabalhos de forma remota.

4 formas de manter o atendimento humanizado na terapia online

Desta forma, com o sofrimento psicológico reconhecido pela sociedade, a consequência deste sofrimento extremo, o suicídio, também deixa de ser tratado apenas como “fraqueza” ou “falta de Deus” sendo finalmente tratado como merece: um problema de ordem pública e social.

A partir deste contexto, os profissionais de psicologia utilizaram a campanha do setembro amarelo para reafirmar o nosso papel profissional e ético, mostrando que é possível oferecer a sociedade uma resposta, tratamento e intervenção para este e os mais variados casos baseados em ciência e empatia, recebendo de volta uma maior credibilidade da população 

A saúde mental é cada vez mais tratada com importância, mostrando que sim, é possível fazer com que nossas pautas e demandas sejam escutadas e consideradas por todos.

A campanha do setembro amarelo e com ela o enfoque na prevenção ao suicídio se encerra, mas a campanha de promoção a saúde mental, persiste o ano inteiro! 

Continuemos empenhados, motivados para que juntos, façamos mais campanhas e ações coletivas que ressalte a importância de nossa atuação.

Giovani Lucena – CRP 04/55806

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Open chat
Olá 🤩

Quer saber mais sobre o PsicoManager?