DicasGestão

Saiba como definir o valor das suas sessões em 7 passos

Tempo de leitura: 4 minutos

 

Todas as profissões passam por reajuste de valores e a área da psicologia não é uma exceção. Mas para que essa mudança ocorra de forma tranquila, clara e consciente no seu consultório, antes é preciso levar em consideração alguns aspectos importantes, principalmente porque essa transição de preços mexe no bolso do cliente e, obviamente, não podemos e nem queremos deixar o paciente descontente com essa situação. Por isso, é fundamental ter cuidado ao informar esse tipo de alteração. 

Atualmente, ainda vivemos em um contexto de pandemia no país e no mundo e, consequentemente, muitas pessoas foram afetadas financeiramente com a instabilidade econômica que atingiu o Brasil. Nesses casos, os reajustes de consultas podem ser vistos de forma equivocada, pois a variação de valores não contempla positivamente os ganhos do cliente. Porém, tanto você, psicólogo(a), quanto o paciente, sabem da importância e necessidade de continuar algum atendimento ou tratamento que já vem sendo feito ou que recém iniciou e encerrar essa relação precocemente não é uma opção para ambos. 

Entretanto, nesses momentos é preciso ser estratégico(a) e buscar maneiras de evitar qualquer ruído entre psicólogo(a) e cliente, preservando e fortalecendo assim o relacionamento profissional de vocês. 

Confira o que você deve levar em consideração para definir os reajustes das consultas da melhor forma:

1. Atenção para a oferta e demanda 

Busque identificar o quanto o seu cliente está disposto a pagar pelos seus serviços e, principalmente, em qual contexto a vida financeira dele se encontra. Para alcançar a esse valor, pense em variáveis de oferta e demanda de mercado. 

Atenção para a oferta e demanda

2. Análise de custos 

É essencial que você, psicólogo(a) iniciante ou não, tenha em mente todos os gastos fixos e variáveis que você tem com o consultório. É também importante pensar na margem de lucro que você gostaria de ter. Entretanto, tenha cuidado para que esse valor não seja exagerado e não permita uma competição com a concorrência. 

Análise de custos

3. Estudar a concorrência 

Pesquisar a concorrência é outro aspecto fundamental, principalmente para saber qual é a média de preços que as clínicas e consultórios da mesma especialidade médica que a sua estão trabalhando com seus clientes. 

4. Fique por dentro das tendências do mercado 

Saiba que os seus clientes precisam entender que os reajustes de consultas são inevitáveis e que esse é um dos fatores que garante a permanência da sua clínica/consultório no mercado. Por isso, eles precisam estar cientes que você realizou uma pesquisa de mercado e o novo preço está de acordo com o valor exercido pelos demais psicólogos(as) nesse momento.

Fique por dentro das tendências do mercado

5. Atendimento de qualidade, cliente satisfeito 

Um atendimento de qualidade traz credibilidade e fideliza o cliente, por isso também é importante ressaltar ao cliente que o aumento de valor está relacionado às despesas da clínica/consultório, principalmente porque os investimentos que você faz seja de equipamentos, mobiliário ou ambiente é pensando na melhor experiência do cliente diante do serviço que você oferece. Por isso, uma dica é praticar o novo valor de forma gradual, assim o profissional consegue trabalhar com um preço justo e evitando reclamações ou mal entendidos, e o cliente ainda permanece satisfeito. 

4 estratégias para aumentar a satisfação do cliente no seu consultório

6. Avise o cliente com antecedência 

Quando estamos acostumados com algum serviço ou produto e depois o seu custo aumenta, é normal que isso cause uma reação negativa, não é mesmo? Sendo assim, é importante avisar o cliente sobre os reajustes de valores das consultas com o mínimo de dois meses de antecedência. Para isso, use os meios de comunicação que seus clientes já estão habituados, como aplicativos ou e-mail, por exemplo. Além disso, é bom deixar um cartaz na clínica/consultório, próximo a recepção. Essa iniciativa é simples, mas passa uma impressão de ética e respeito com os pacientes. 

7. Como manter a fidelização dos clientes após o reajuste 

É comum o cliente comparar a qualidade e eficiência que recebe do serviço oferecido por você, toda vez que há um reajuste de valor. Isso sempre acontece  com qualquer outra empresa ou área. Ou seja, quando você proporciona um atendimento de qualidade, as chances de seus pacientes não se importarem de pagar um custo mais alto é maior.

Então, para que você conquiste ou avance para esse nível, faça uma reunião com sua equipe para conversar sobre o que pode ser melhorado na clínica ou se você atende sozinho(a), faça uma pesquisa com os seus próprios clientes. Lembre-se de pensar em formas de recompensar o aumento de preço com o objetivo de apresentar mais excelência em seu atendimento. 

5 formas de fidelizar clientes com o PsicoManager

Muitas vezes os clientes se fidelizem a sua clínica/consultório por motivos como: preço das consultas, empatia dos profissionais, gentileza e compromisso em prestar um atendimento de qualidade. Por isso, seu consultório precisa ser um espaço de diálogo aberto, onde o cliente se sinta à vontade para relatar seus problemas, mas ao mesmo tempo, consiga demonstrar quando está satisfeito e confortável. Fazendo isso, o atendimento do seu consultório será uma referência e os reajustes de consulta ficarão em segundo plano, pois os seus clientes irão priorizar os benefícios que seus serviços oferecem. 

E aí, isso fez sentido para você? Conta para nós! E não deixe de acompanhar as últimas novidades e tendências da sua área aqui no nosso blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Open chat
Olá 🤩

Quer saber mais sobre o PsicoManager?