DicasPsicologia

Planos de saúde para psicólogos: Vantagens e desvantagens

Tempo de leitura: 3 minutos

 

Planos de saúde têm a grande missão de oferecer assistência para pessoas que tenham acesso ao serviço de saúde particular. Ele é oferecido por operadoras, empresas privadas, com intuito de prestar assistência técnica médica e hospitalar.

Os planos de saúde cobrem gastos com saúde e garantem mais segurança para aqueles que o contratam. Porém, apesar das vantagens, apenas 30% da população aderiu esse serviço.

Mesmo nessas condições, alguns profissionais ainda optam por atender pelo famoso convênio. Afinal, quais são suas vantagens e desvantagens? Continue a leitura e saiba mais!

1. Vantagens

Os planos de saúde são, para a maioria dos psicólogos, a porta de entrada para o mercado de trabalho. Isso acontece principalmente por duas grandes vantagens: os planos ajudam os profissionais a ganhar mais dinheiro e levam mais clientes ao seu consultório. Veja mais como funciona:

Agenda ocupada

Para a maioria dos psicólogos, a maior vantagem dos planos de saúde é que eles ajudam a preencher a agenda, assim os profissionais não ficam com o tempo ocioso ou com furos na agenda, podendo trabalhar o dia todo. Dessa maneira, não precisam ficar preocupados com a prospecção de novos clientes.

Maior fluxo de caixa

Com o aumento de pessoas na procura do consultório de psicologia, é esperado que os recebimentos também aumentem. Com isso a movimentação de dinheiro do seu consultório aumenta.

2. Desvantagens

Mesmo com as vantagens, alguns profissionais se recusam a atender por convênios, e outros reservam apenas algumas horas da agendas para esses atendimentos. Isso na maioria das vezes acontece em função das desvantagens dos planos de saúde:

Valor da consulta

A maior reclamação dos psicólogos em relação aos planos de saúde é o valor da consulta. As operadoras fazem o repasse de um valor que é muito abaixo do que é cobrado pelo profissional em um atendimento particular.

Burocracia para começar os atendimentos

Além do desgaste que o profissional tem para conseguir atender determinados planos, com diversas exigências que precisam ser cumpridas, eles ainda têm que preencher muitos documentos em todos atendimentos.

Em alguns casos, é comum o psicólogo contratar uma secretária só para cuidar do preenchimento de fichas, por exemplo. Essa tarefa deve sempre ser feita com cuidado pois qualquer número errado faz com que a operadora não repasse o valor devido da consulta.

Desgaste no trabalho

Os planos de saúde ajudam a aumentar o número de pacientes, mas isso não acontece sem um contrapeso. Além do excesso de trabalho gerado pela burocracia dessa “parceria”, os profissionais também se desgastam com o número excessivo de clientes.

3. O que levar em consideração antes de decidir?

Como percebemos, não há um meio termo sobre o plano de saúde ser bom ou ruim. Ele oferece ótimas vantagens, principalmente para os recém-formados, mas existem desvantagens que precisam ser levadas em consideração.

Porém, caso ainda esteja em dúvida, pense em alguns pontos, quais são suas vantagens e desvantagens? Você estará disposto(a) a atender a demanda alta que chegará para você? E, por fim, pense no seu consultório como um investimento. Tome cada decisão baseada no quão produtivo será.

 

Coloque cada um desses pontos que abordamos, releia as vantagens e as desvantagens do plano de saúde e veja se realmente é uma boa alternativa para você. Lembre-se que é possível encher sua agenda com o convênio, mas também é possível destinar apenas um dia da semana para atender os pacientes encaminhados.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Open chat
Olá 🤩

Quer saber mais sobre o PsicoManager?